/> PETISTA Xuxa é condenada a pagar R$ 62 milhões a empresário mineiro - Folha da Política

Breaking news

PETISTA Xuxa é condenada a pagar R$ 62 milhões a empresário mineiro


Leonardo Soltz reclama que a empresa Xuxa Produções se apropriou dos personagens dele

A juíza Flávia Viveiros de Castro, da 6ª Vara Civel, condenou a Xuxa Promoções a indenizar em R$ 62 milhões o empresário mineiro Leonardo Soltz, criador dos personagens da “Turma do Cabralzinho” em comemoração pelos 500 anos do descobrimento do Brasil, de acordo com a coluna de Ancelmo Gois, de O Globo.

De acordo com o empresário, Xuxa se apropriou dos personagens dele e lançou a “Turma da Xuxinha descobrindo o Brasil”. O produto foi um sucesso e se expandiu para uma linha de cosméticos infantis. E foi além. Virou revistas em quadrinhos e bichinhos de pelúcia.

O processo corre desde maio de 2004 e caso não haja o pagamento, os bens de Xuxa serão penhorados. A decisão ainda cabe recurso.

Nos autos do processo constam que Soltz teve encontros com a equipe da Xuxa em 1998 e 1999 para abordar o assunto dos personagens. Mas logo em seguida, a empresa Xuxa Produções lançou os personagens como “Turma da Xuxinha Descobrindo o Brasil”.

A juíza do processo, nos autos, falou sobre a falta de ética da empresa de Xuxa.

– A parte ré utiliza-se de manobras pouco éticas, levantando suspeição do perito, que é profissional idôneo, trabalhando para este Juízo e outros deste E. Tribunal, sem nunca ter tido sua reputação profissional questionada – destacou.

 LEIA TAMBÉM: 

























Um comentário: