/> Vitória de Lula foi roubada, diz Steve Bannon, ex-estrategista-chefe da Casa Branca - Folha da Política

Breaking news

Vitória de Lula foi roubada, diz Steve Bannon, ex-estrategista-chefe da Casa Branca


Ex-assessor da Casa Branca também defendeu manifestantes contrários ao resultado das eleições brasileiras

O ex-assessor da Casa Branca, Steve Bannon, afirmou que a eleição de Lula, em 2022, para o cargo de presidente da República foi “roubada”. A declaração foi feita por ele durante a chegada a um tribunal em Nova Iorque para uma audiência sobre um suposto esquema de fraude na arrecadação de doações para a construção de um muro na fronteira entre os Estados Unidos e o México.

Ao chegar ao tribunal, nesta quinta-feira (12), Bannon foi questionado por jornalistas se tem mantido contato com o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Em sua resposta, Bannon falou sobre os manifestantes brasileiros contrários ao resultado das eleições, a quem chamou de “lutadores pela liberdade”.

– Aqueles são lutadores pela liberdade. Foram 75 dias, com dezenas de milhões de pessoas nas ruas, desde o primeiro dia. Aquela eleição foi roubada. Se você ler o relatório, os militares dizem que a auditoria não foi finalizada – disse.

Essa foi a segunda vez, nesta semana, que o ex-assessor falou sobre o pleito brasileiro de 2022. Na última segunda (9), Bannon afirmou que o resultado da eleição brasileira teria sido fraudada e que não recuaria “nem um centímetro quanto a isso”. Ele também pediu a abertura de uma investigação contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

– Sejam transparentes, deixem os cidadãos do Brasil verem – falou Bannon sobre as eleições do Brasil em seu podcast War Room.

LEIA TAMBÉM: 









Nenhum comentário