/> Deputado Nikolas Ferreira protocola notícia crime pedindo a responsabilização e prisão de Flávio Dino por “omissão intencional” de Ministro da Justiça nos atos em Brasília - Folha da Política

Breaking news

Deputado Nikolas Ferreira protocola notícia crime pedindo a responsabilização e prisão de Flávio Dino por “omissão intencional” de Ministro da Justiça nos atos em Brasília


Após os ataques em Brasília no último domingo (8), o deputado federal Nikolas Ferreira (PL-MG) decidiu protocolar uma notícia-crime para o ministro Alexandre de Moraes (relator do inquérito no STF que investiga ataques às instituições democráticas) sugerindo que o Supremo Tribunal Federal analise a responsabilização do ministro Flávio Dino, da Justiça e Segurança Pública, nos atos que culminaram na destruição das sedes dos Três Poderes. O parlamentar mineiro sugere que houve “omissão intencional” do ministro de Lula.

Em tuítes publicados na noite desta quarta-feira (11), Nikolas sugere que seja decretada a prisão preventiva de Flávio Dino. “Há fortes evidências de que o ministro havia sido informado dos acontecimentos inclusive por parte da agência de inteligência brasileira – ABIN”, escreveu. “Sendo verdadeiro, os fatos são muito graves (…). Ou seja, nesse tipo de omissão, Flávio Dino tinha o dever, por lei, de impedir qualquer resultado criminoso”, concluiu.

Nikolas reforçou a tese de que Flávio Dino estava ciente do risco de violência nos atos de apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) em Brasília. Ele justifica que o fundamento para o pedido de prisão preventiva do ministro da Justiça e Segurança Pública deve ser o mesmo usado no pedido de prisão do ex-secretário de Justiça do Distrito Federal, Anderson Torres – exonerado pelo governador Ibaneis Rocha (MDB) ainda no domingo, Torres teve prisão decretada pelo ministro Alexandre de Moraes.

Nenhum comentário