/> Bolsa Família começa a ser pago sem extra de R$150 prometido por Lula - Folha da Política

Breaking news

Bolsa Família começa a ser pago sem extra de R$150 prometido por Lula


Recurso extra só deve passar a ser pago em março que vem

A primeira parcela de R$ 600 do Bolsa Família de 2023 começa a ser paga nesta quarta-feira, 16, com valor mínimo de R$ 600. Recebem hoje os beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) de final 1. Todos os beneficiários receberão o primeiro pagamento até o dia 31 de janeiro.

Segundo o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, neste mês o programa de transferência de renda do Governo Federal alcançará 21,9 milhões de famílias, com um gasto de R$ 13,38 bilhões. O valor médio recebido por família equivale a R$ 614,21.

Em publicação nas redes sociais, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva escreveu que a manutenção da parcela mínima segue o compromisso estabelecido entre o novo governo e o Congresso Nacional. 

“Começaremos o pagamento de R$ 600 para famílias beneficiárias. Compromisso firmado durante a campanha e que conseguimos graças a PEC que aprovamos ainda na transição, já que o valor não tinha sido previsto no orçamento pelo governo anterior”, postou o presidente.

No entanto, o pagamento do adicional de R$ 150 para famílias com crianças de até 6 anos, também promessa de campanha de Lula, ainda não começou. Na semana passada, o ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Wellington Dias, afirmou que o valor extra só começará a ser pago em março, após o governo fazer um pente-fino no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), para eliminar fraudes.

Neste mês também não haverá o pagamento do Auxílio Gás para famílias cadastradas no CadÚnico. Como o benefício só é pago a cada dois meses, o pagamento voltará em fevereiro.

Os beneficiários não precisarão, neste momento, trocar de cartão ou fazer alterações no formato de recebimento do Auxílio Brasil para receber o Bolsa Família.

LEIA TAMBÉM: 








Nenhum comentário