/> Líder petista de movimento que invade supermercados tem ações na Bolsa e R$ 178 mil em bens - Folha da Política

Breaking news

Líder petista de movimento que invade supermercados tem ações na Bolsa e R$ 178 mil em bens


Serley Leal é de partido com tendência socialista, mas possui apartamento avaliado em mais de R$ 150 mil

Um dos manifestantes que participou do ato que invadiu supermercados no último sábado (17) foi o bancário Serley Leal, ex-candidato ao governo do Ceará. Apesar de fazer parte do Unidade Popular (UP), um partido de esquerda e que milita pelo socialismo, Leal declarou nas últimas eleições que possuía quase R$ 180 mil em bens, com um patrimônio que inclui até ações.

Em suas redes sociais, Serley gravou um vídeo no sábado qual dizia estar fazendo parte do ato promovido pelo Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB), que, segundo ele, “ocupou” um supermercado localizado na Zona Norte de Fortaleza, capital do Ceará. O ato também foi realizado em outras cidades brasileiras.

Serley Leal é figurinha carimbada da política cearense e já tentou três vezes conquistar um mandato eletivo, todas sem sucesso. Em 2012, então filiado ao PT, ele tentou conseguir uma vaga de vereador na Câmara Municipal de Fortaleza, mas obteve apenas 460 votos.

Em 2020, já filiado ao Unidade Popular, Serley tentou ingressar no Executivo como vice-prefeito de Fortaleza. No entanto, a chapa integrada por ele, liderada pela candidata Paula Colares (UP), recebeu apenas 893 votos e ficou na última colocação da disputa. Na tentativa mais recente de ingressar na política, como candidato ao governo do Ceará, o bancário teve apenas 1.881 votos.

Apesar de fazer parte e ter, inclusive, atuado na fundação do partido Unidade Popular no Ceará, a mais recente declaração de bens de Serley à Justiça Eleitoral passa longe das convicções da sigla de extrema-esquerda, que é conhecida por se opor fortemente ao capitalismo.

De acordo com os dados das eleições deste ano que constam no DivulgaCand, sistema que reúne informações sobre os candidatos que participam das eleições, o bancário declarou ser proprietário de ações avaliadas em R$ 10.266 e de previdência privada no valor de R$ 12.649.

Outro bem informado por Serley Leal em sua declaração de contas foi um apartamento avaliado em R$ 155 mil no bairro de Fátima. O local fica a apenas seis quilômetros tanto da praia de Iracema – um dos principais pontos turísticos da capital cearense – quanto do aeroporto da cidade.

INVASÃO DE MERCADOS

No último sábado, o Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB) invadiu vários supermercados em diversas cidades brasileiras para exigir a doação de cestas básicas. Uniformizados com camisetas vermelhas, o grupo portava faixas, megafone e declaravam palavras de ordem para chamar a atenção da direção dos estabelecimentos.

Algumas cidades que registraram atos do MLB foram Natal (RN), Recife (PE), Brasília (DF), João Pessoa (PB), Fortaleza (CE)e São Paulo (SP). Segundo o movimento, os atos foram simultâneos em 17 estados. Em João Pessoa, três pessoas foram detidas.

Com medo, alguns estabelecimentos aceitaram fazer as doações de cestas básicas. O MLB de São Paulo informou que muitos mercados se comprometeram a fazer doações de alimentos.

 LEIA TAMBÉM: 































Nenhum comentário