/> “Bolsonaro não vai decepcionar ninguém, continuem na luta”, avisa Valdemar da Costa Neto, presidente do PL. (VÍDEO) - Folha da Política

Breaking news

“Bolsonaro não vai decepcionar ninguém, continuem na luta”, avisa Valdemar da Costa Neto, presidente do PL. (VÍDEO)


Em vídeo publicado nas redes sociais, presidente do PL criticou decisão do TSE de manter multa de R$ 22,9 milhões

Nesta quinta-feira (15), o presidente do Partido Liberal (PL), Valdemar Costa Neto, criticou a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de manter a multa de R$ 22,9 milhões ao partido por “litigância de má-fé”. Em um vídeo publicados nas redes sociais, o político disse ter ficado surpreso após a Corte não liberar as contas da sigla.

A multa foi aplicada pelo presidente do TSE, ministro Alexandre de Moraes, após o PL pedir revisão extraordinária do resultado do segundo turno das eleições presidenciais. A sigla afirmou que cerca de 60% das urnas não eram auditáveis, enquanto o ministro rebateu dizendo que todas as urnas são auditáveis e considerou o argumento do partido “esdrúxulo”.

 LEIA TAMBÉM: 



















Diante da punição, o partido decidiu recorrer, mas teve sua medida negada pela Corte. Em seu vídeo, Valdemar criticou a decisão de Moraes.

– Fiquei surpreso porque não vão liberar nossas contas. O ministro Alexandre [de Moraes] falou até em extinção do partido. Isso não tem como dar certo. Tudo que é feito de maneira errada, dá errado. É só esperar pra ver. Como fazer política desse jeito – indagou.

Valdemar também falou sobre os apoiadores do presidente Jair Bolsonaro que estão nas ruas e disse que o presidente “não vai decepcionar ninguém”.

– Essas famílias que estão prestigiando têm todo nosso apoio (…). O nosso povo que está acampado são pessoas de famílias (…). Eu quero agradecer vocês que estão na rua. Que estão lutando. Continuem na luta. Bolsonaro não vai decepcionar ninguém. Ele é um grande líder que chegou para ficar – destacou.


2 comentários:

  1. Sem palavras... Estamos amordaçados, não podemos mais opinar, senão seremos presos. Alguém poderoso tem que barrar o dono do Brasil.

    ResponderExcluir