Breaking news

PT se surpreende com tamanho dos atos do 7 de Setembro


Em caráter reservado, aliados de Lula expressaram preocupação com o uso eleitoral das manifestações

Aliados do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silvia (PT) e membros de sua campanha confessaram em caráter reservado estarem surpresos com a proporção da manifestação do 7 de Setembro, em Brasília. Segundo apurações do site O Antagonista, eles acreditam que as imagens do ato servirão de argumento para o presidente Jair Bolsonaro (PL) questionar uma eventual vitória de Lula nas urnas.

Diante da alta adesão às manifestações, o Partido dos Trabalhadores decidiu usar duas estratégias: a primeira será questionar por vias judiciais os protestos. A legenda já até planeja acionar o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o presidente alegando suposto “abuso político” durante os atos.

LEIA TAMBÉM: 

A outra medida seria buscar minimizar o tamanho da mobilização, negando que as imagens representem a realidade e defendendo que a manifestação teve a mesma adesão que em 2021.

Segundo informações da revista Veja, o Planalto estima que 1 milhão de pessoas participaram do desfile em Brasília este ano. Em 2021, cerca de 400 mil apoiadores do presidente passaram pela Esplanada segundo estimativa feita de forma extraoficial pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF). A entidade ainda não divulgou os números deste ano.

A dimensão dos atos também preocupa o PT em relação ao voto da parcela da população que ainda está indecisa. Para aliados do candidato petista, a adesão maciça pode ajudar a influenciar a escolha daqueles que ainda não definiram em quem votarão.










 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();