Breaking news

Lula tem sua maior rejeição em uma disputa presidencial, aponta pesquisa DATAFOLHA


Instituto Datafolha aferiu que 39% dos eleitores não votariam de jeito nenhum no petista nas eleições deste ano

O ex-presidiário e candidato ao Palácio do Planalto Luiz Inácio Lula da Silva (PT)está com a sua maior rejeição entre os eleitores em uma disputa presidencial, aponta pesquisa elaborada pelo Datafolha e divulgada nesta quinta-feira (1º).

A parcela dos eleitores que não votariam de jeito nenhum em Lula, que era de 33% em maio e passou a 37% em agosto, aumentou agora para 39%.

De acordo com o instituto, considerando todas as eleições que o petista disputou desde 1989, a rejeição até então a mais alta já registrada nas cinco vezes em que disputou o Palácio do Planalto era a de 1994.

Em 1994, Lula tinha rejeição de 38% em pesquisa realizada entre 29 e 30 de agosto e perdeu a disputa para Fernando Henrique Cardoso (PSDB) no 1º turno. Em 1989, ele teve 29% de rejeição na véspera da votação. Já em 1998, o petista, também vencido por FHC, tinha rejeição de 35%.

O levantamento foi feito entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro. Foram ouvidas 5.734 pessoas, em 285 cidades. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número BR-00433/2022. A margem de erro é de 2 pontos percentuais e o nível de confiança é de 95%.

LEIA TAMBÉM: 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();