Breaking news

Governo Bolsonaro entrega poços artesianos em Pau dos Ferros (RN)


Brasília – O governo federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), entregou, nesta sexta-feira, 2, dois poços artesianos em Pau do Ferros, no Rio Grande do Norte. Com um investimento total de R$ 63,1 mil, os equipamentos vão atender cerca de 200 moradores da cidade. Um dos poços, com vazão de 2,2 mil litros por hora, foi instalado na Comunidade Perímetro. E o outro, com capacidade de 1,2 mil litros por hora, na Comunidade Logradouro.

Os dois equipamentos foram perfurados e instalados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), empresa pública vinculada ao MDR. Outros 10 poços estão sendo perfurados na cidade potiguar, com um investimento total de R$ 800 mil.

“Fico satisfeito quando entrego água, pois água é vida, é vetor de desenvolvimento. Daqui a dois, três anos, quando a obra do Ramal do Apodi terminar, Pau dos Ferros nunca mais vai ter sua barragem vazia. Vai ter segurança hídrica aliada ao desenvolvimento, o que é sempre necessário”, ressaltou o secretário nacional de Segurança Hídrica do MDR, Sérgio Costa, que esteve presente à entrega dos poços.

Iniciada em junho de 2021, a obra do Ramal do Apodi vai levar água em quantidade e qualidade a cerca de 750 mil pessoas em 54 cidades dos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba e Ceará. O investimento federal no empreendimento é de R$ 1,6 bilhão, sendo R$ 938,5 milhões para as obras físicas.

LEIA TAMBÉM: 

Vistoria em sistemas de abastecimento de água

Após as entregas, a equipe da Secretaria Nacional de Segurança Hídrica realizou visita técnica nas obras de sistemas de abastecimento de água das cidades de Pau dos Ferros e Santa Cruz, ambas no Rio Grande do Norte. Os dois empreendimentos receberam, juntos, R$ 529,9 mil em investimentos federais e vão atender, quando concluídos, 1320 pessoas.

Em Pau dos Ferros, o sistema está localizado em um perímetro irrigado do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) e tem capacidade de produzir 1,2 mil litros de água dessalinizada por hora.

Em Santa Cruz, o sistema de abastecimento de água atenderá a comunidade de Araraú, que é um assentamento, e também tem capacidade de produzir até 1,2 mil litros de água dessalinizada por hora.

Segurança hídrica

Os sistemas de abastecimento de água em Pau dos Ferros e em Santa Cruz fazem parte de um conjunto de ações com o objetivo de aumentar a segurança hídrica do semiárido brasileiro, por meio de iniciativas que garantam o acesso ao abastecimento de água para o consumo humano por meio do aproveitamento sustentável de águas subterrâneas.

Para isso, o MDR impulsiona a entrega de poços artesianos, cisternas, sistemas simplificados de abastecimento de água e unidades de dessalinização em comunidades rurais do Nordeste e do semiárido mineiro, já que 70% dos poços da região têm altos índices de salinidade. Além disso, moradores das comunidades rurais são capacitados e ficam responsáveis pela gestão das unidades.

Atualmente, há 912 sistemas de dessalinização em operação nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, atendendo aproximadamente 218 mil pessoas que residem em municípios mais críticos quanto ao acesso à água. Até o fim de 2022, a previsão é de que outros 397 dessalinizadores sejam implantados na região semiárida do Brasil e mais 600 mil brasileiros tenham acesso à água.

Fonte: Ministério do Desenvolvimento Regional

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();