Breaking news

“Estado de demência”, Maurício Kubrusly, do Fantástico, vive situação precária, após ser escondido pela Globo



Apresentador saiu da emissora contra a vontade

Maurício Kubrusly tornou-se um dos grandes jornalistas devido ao seus trabalhos na Globo. Em 2016, ele assumiu o comando do “Fantástico”, no entanto, em 2019, saiu do canal.

Em suma, a alta cúpula, após 34 anos, percebeu que era tempo do apresentador se aposentar.

Na época em que assumiu o “Fantástico”, Maurício Kubrusly adoeceu e precisou se afastar das câmeras.

Desse modo, o apresentador participava de reuniões e escrevia textos, mas não podia aparecer mais em frente às câmeras.

De acordo com o “UOL”, Maurício Kubrusly assinou sua demissão contra a sua vontade, uma vez que gostaria de continuar na ativa.

LEIA TAMBÉM: 

DOENÇA DE APRESENTADOR

Em novembro 2016, o jornalista sofreu um infarto e precisou colocar dois stents, que são utilizados para restaurarem o fluxo sanguíneo na artéria.

Após a doença, Kubrusly ficou com a saúde fragilizada durante meses. Além disso, na festa de final de ano do “Fantástico”, ele sofreu um grave acidente.

O apresentador sofreu uma queda e precisou fazer uma cirurgia para a retirada de um coágulo no cérebro.

DEMÊNCIA

De acordo com o Discorvey, Maurício Kubrusly passou por uma série de exames e foi constatado que ele possuí um certo nível de demência.

Desde a demissão da Globo, o apresentador não aparece na mídia e tem seguido uma vida bem reclusa.


CARREIRA

Como havíamos mencionado, Maurício Kubrusly possuí um baita currículo jornalístico, na qual começou editando jornais impressos, passando pelo Jornal do Brasil e pela revista Somtrês.

O apresentador foi contratado pela Globo em 1985 para comandar o “Rock in Rio” e não saiu da emissora até 2019.

Um dos quadros mais famosos do jornalista foi o “Me Leva, Brasil”, no “Fantástico”, que ficou no ar até 2016, quando ele adoeceu.

FONTE: OTVFOCO.COMBR

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();