Breaking news

Bolsonaro diz que não esperava que Pacheco seria tão parcial e que senador age para proteger o STF



O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou que o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), é de uma parcialidade enorme. As declarações foram feitas durante entrevista para a TV Correio da Manhã, de Petrópolis (RJ).

Questionado se teria algum arrependimento em ter apoiado o senador mineiro para a presidência do Senado, Bolsonaro declarou que não esperava que o parlamentar seria tão parcial. “Não vou negar que apoiei (Pacheco). Não esperava que ele fosse ser tão parcial como tá sendo ultimamente. Não quero atrito com ele, mas é de uma parcialidade enorme”, afirmou o presidente.

Ainda segundo Bolsonaro, o senador age para proteger o Supremo Tribunal Federal (STF). “Eu vejo na mídia e ele diz que está protegendo o Supremo. Não é atribuição nossa proteger o outro Poder. É tratar com dignidade e isenção, como propriamente diz a nossa Constituição. E o Poder mais forte do momento, da República, é o Supremo”, declarou Bolsonaro.

Nos últimos dias, Pacheco tem feito declarações públicas em defesa da Corte e do Judiciário, afirmando, inclusive, que não deixaria o STF isolado. Recentemente o presidente do Senado classificou a ação de Bolsonaro contra o ministro Alexandre Moraes, do STF, como uma anormalidade institucional.

  LEIA TAMBÉM: 



Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();