Breaking news

Morre Rincón, ex-jogador de Corinthians e Palmeiras


Ex-atleta estava internado desde a última segunda-feira após sofrer grave acidente de trânsito

O ex-jogador colombiano Freddy Rincón morreu no final da noite desta quarta-feira (13) – início da madrugada desta quinta-feira (14) no Brasil – . Ele não resistiu aos graves ferimentos provocados por um acidente de trânsito em que se envolveu na última segunda-feira. O ex-atleta estava internado na cidade colombiana de Cali, onde aconteceu a colisão.

O carro que Rincón dirigia foi atingido por um ônibus na madrugada de segunda-feira. Com traumatismo craniano, o ex-atleta chegou a passar, no mesmo dia do acidente, por uma cirurgia de quase três horas; na qual os médicos relataram procedimentos muito delicados. A informação sobre a morte do ex-jogador foi confirmada pela Clínica Imbanaco, onde ele estava hospitalizado.

LEIA TAMBÉM:

CARREIRA NO FUTEBOL

Freddy Rincón nasceu na cidade colombiana de Buenaventura, em 14 de agosto de 1966. Foi em sua própria cidade natal que ele começou a jogar futebol, no pequeno Atlético Buenaventura. De lá, se transferiu para o Deportes Tolima, também da Colômbia, onde ganhou repercussão e partiu para jogar fora do país.

Durante a década de 90, ele atuou por times como o Real Madrid (Espanha), Napoli (Itália) e pelos rivais brasileiros Palmeiras e Corinthians. Ele também jogou pela seleção colombiana em três Copas do Mundo: 1990, 1994 e 1998. Foi pelo Corinthians que Rincón conseguiu a maior conquista da carreira, o Mundial de Clubes de 2000.


OUTRO ACIDENTE EM 2013

O ex-jogador colombiano já havia sofrido, em agosto de 2013, outro acidente de trânsito no qual sofreu várias fraturas e uma ferida na cabeça. O acidente na segunda-feira deixou outros cinco feridos que estão em estado estável, incluindo o motorista do ônibus, que sofreu uma fratura na perna.

Sobre o acidente que resultou na morte de Rincón, a imprensa colombiana divulgou um vídeo em que um veículo foi visto atravessando um cruzamento, quando o ônibus bate no lado do banco do carona. Nas imagens, “parece que o sinal fica vermelho quando o ônibus atravessa e também pode ter havido excesso de velocidade” por parte do veículo ou do ônibus, informou a prefeitura.

Segundo as autoridades colombianas, os acompanhantes de Rincón declararam que o ex-jogador estava ao volante. Redes sociais de clubes como Corinthians, Santos, e o perfil da seleção colombiana lamentaram a morte de Rincón.

 



Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();