Lula “aprovará aborto pelo STF” caso seja eleito


Presidente ainda estimou que o petista indicaria novos ministros favoráveis à pauta para a Suprema Corte

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve tentar aprovar o aborto via Supremo Tribunal Federal (STF) caso seja eleito. A declaração ocorreu durante entrevista ao canal Linha de Frente, nesta quarta-feira (13).

Na ocasião, o chefe do Executivo apontou que há “cinco ou seis ministros” na Suprema Corte que “são favoráveis” à pauta. Ele ainda estimou que o petista deva indicar mais dois magistrados ao STF com o mesmo posicionamento. O candidato que for eleito no pleito presidencial deste ano terá direito a indicar dois novos integrantes à Corte, em razão da aposentadoria dos ministros Ricardo Lewandowski e Rosa Weber.

– Vamos supor que o Lula consiga aprovar o aborto dentro do Parlamento, eu acho difícil. Por que não consegue? Ele vai aprovar o aborto dentro do Supremo Tribunal Federal. Está na cara que vai botar abortistas lá também. Então, o aborto será aprovado no Brasil, se o Lula voltar, pelo STF, a exemplo de como foi aprovado o aborto na Colômbia – declarou o chefe do Executivo em entrevista concedida ao canal Linha de Frente.

Em live na última quinta-feira (7), Bolsonaro também havia abordado o tema, dizendo que, para o seu rival nas urnas, abortar e extrair um dente são “a mesma coisa”.

– Ele falou tanta besteira, inclusive, defendeu abertamente o aborto. Aborto para ele… Abortar uma criança e extrair um dente é a mesma coisa, tá certo? (…) É o mesmo cara que fala que a pauta de família e de valores é uma coisa muito atrasada – disse o líder do Planalto.

 LEIA TAMBÉM:

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();