Breaking news

Jair Bolsonaro: Allan dos Santos “não pode viver como exilado”


Presidente comentou a situação do jornalista durante entrevista concedida na manhã desta segunda-feira

presidente Jair Bolsonaro (PL) comentou, na manhã desta segunda-feira (11), a situação envolvendo o jornalista Allan dos Santos, alvo de um pedido de prisão preventiva determinado pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), em outubro do ano passado. Na época, o ministro também pediu que fosse iniciado o processo de extradição de Allan.

De acordo com Bolsonaro, o jornalista “não pode viver como um exilado”. O líder ainda lembrou que Moraes já tentou trazer Allan dos Santos de volta para o Brasil, mas que “não conseguiu” por causa das regras da legislação americana para extradição. Allan está nos Estados Unidos desde agosto de 2020.

– Nós temos um jornalista, o Allan dos Santos, pode gostar dele ou não gostar, não me interessa isso daí, mas ele não pode viver como um exilado (…). O próprio Alexandre de Moraes tentou extraditar, trazer para cá o Allan dos Santos. Não conseguiu, porque a legislação americana não extradita baseado nisso – afirmou Bolsonaro, em entrevista ao grupo O Liberal, do Pará.

No fim de março, após ser cobrado pelo ministro Alexandre de Moraes, o Ministério da Justiça, por meio do Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Internacional (DRCI), informou que o processo de extradição estaria seguindo a legislação americana, e não a lei brasileira, e que, por isso, ele demoraria mais tempo do que a média da extradição feita pelo Brasil.

LEIA TAMBÉM:

Um comentário:

  1. Isso mesmo ministra Damares o demônio é feio mesmo só gsta de bandidos.

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();