Breaking news

Empresa que organiza Lollapalooza recebeu mais de R$ 186 milhões da Lei Rouanet antes de mudança feita no governo Bolsonaro


Braço direito do secretário Mario Frias na Secretaria Especial da Cultura, André Porciuncula, disse nesta segunda-feira (28), que a empresa T4F Entretenimento, organizadora do festival Lollapalooza, recebeu da Lei Rouanet, o equivalente a R$ 186.380.448,15, antes da reformulação.

Propaganda

“Sim, senhores, a empresa que realiza o evento do Lollapalooza já usou muito a Lei Rouanet, mais de 180 milhões de reais. Contudo, o evento, em si, não teve dinheiro da Rouanet. Com a as mudanças que fizemos, esses grandes shows não são mais viáveis de acontecer com Rouanet”, escreveu o braço direito de Frias.

 A declaração foi endossada pelo secretário especial de Cultura Mario Frias em rede social.

 

Eis a declaração de Frias:

“A TF4 era uma das grandes empresas que se beneficiavam com o antigo arranjo da Lei Rouanet, onde metade do valor do projeto retornava para empresa. Com as mudanças que fizemos, diminuímos em 70% o lucro permitido para as empresas que apresentam projeto na Rouanet.”

A empresa Time 4 Fun, organizadora do festival de música Lollapalooza, recorreu neste domingo (27) da decisão liminar do ministro Raul Araújo, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que proibiu manifestações políticas de artistas durante o evento sob pena de multa.

LEIA TAMBÉM:

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();