Breaking news

PERSEGUIÇÃO: Alexandre de Moraes determina nova investigação de jornalistas conservadores


O ministro do STF Alexandre de Moraes determinou ontem a inclusão de cinco sites conservadores no âmbito das investigações do inquérito das fake news.

As apurações seguem em segredo de Justiça e o aditamento do inquérito ocorreu a partir de denúncia feita pelo deputado federal Fausto Pinato (PP-SP).

Na petição, o parlamentar relacionou vários sites conservadores, entre os quais Jornal da Cidade, Crítica Nacional e Senso Incomum, como propagadores de fake news e de ataques aos ministros do STF.

LEIA TAMBÉM:

3 comentários:

  1. ESSE CARA É UM LIXO EM BRASILIA!! SE TOMAREM A CANDIDATURA DE BOLSONARO E AS FFAA NÃO FIZEREM NADA COM ESSA GANGUE INSTAURADA NO CONGRESSO... ADEUS BRASIL PATRIA AMADA!!

    ResponderExcluir
  2. É preciso por limite a esse Zé Arruela, está coisa está indo longe demais. O cara acha q pode tudo. Ao rasgar a Constituição ele da direito de também rasgá-la e o buraco será enorme.

    ResponderExcluir
  3. Lixo XANDÃO DO PCC. .
    mas, tudo dentro do modus operand da esquerda q idolatra a ditadura comunista chinêsa ...XANDÃO PCC é psdb, de dória, que acha a China o máximo.

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();