Breaking news

Cidade mais vacinada de SP confirma primeiros casos de nova variante


Botucatu sediou o estudo clínico para avaliar a eficácia da vacina AstraZeneca

A Prefeitura de Botucatu, interior de São Paulo, confirmou os cinco primeiros casos positivos de covid-19 provocados pela variante Ômicron.

A cidade, que sediou o estudo clínico para avaliar a eficácia da vacina AstraZeneca, já tem 90% dos moradores completamente imunizados e 63% com a terceira dose

Segundo dados do Vacinômetro do governo de São Paulo, Botucatu lidera o ranking de vacinação do Estado.

O boletim epidemiológico divulgado no dia 31, indicava que não havia na cidade qualquer paciente internado, tanto no Hospital das Clínicas quanto na rede privada.

LEIA TAMBÉM:

Segundo o secretário de Saúde de Botucatu, André Spadaro, a confirmação desses cinco primeiros casos não possui relação com o nível de vacinação da cidade.

O secretário explicou que a imunização, ao que tudo indica, está impedindo que as novas infecções pela Ômicron avancem para casos graves, internações e óbitos.


Resultados do estudo

A imunização em massa da população apresentou efeitos positivos em Botucatu.

Segundo o Ministério da Saúde, depois da aplicação da primeira dose da vacina AstraZeneca, o número de casos de covid-19 no município caiu 80% e o número de internações pela doença, 86,7%.

O objetivo do projeto é analisar a efetividade do imunizante e monitorar eventuais efeitos adversos.

Além da vacinação, a pesquisa prevê testagem da população e sequenciamento genético do vírus. A previsão é de que o estudo, que começou em maio, dure oito meses.

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();