Breaking news

André Mendonça irá comemorar posse no STF com culto a Deus, em vez de festa


Pastor presbiteriano recusou festa oferecida pelas associações de magistrados

O mais novo ministro eleito do Supremo Tribunal Federal (STF), André Mendonça, não irá comemorar sua posse na Corte com uma festança em Brasília, como é tradição entre os magistrados. Em vez disso, ele planeja realizar um culto na Assembleia de Deus, Ministério Madureira, em Brasília, logo após a cerimônia de posse.

De acordo com a colunista Carolina Brígido, do UOL, Mendonça, que é pastor presbiteriano, teria encaminhado convites por WhatsApp a pessoas próximas a ele utilizando uma parte do texto em 1 Tessalonicenses 5:18, que diz: “Em tudo dai graças”, além de outros versículos bíblicos.

Normalmente, as associações de magistrados oferecem festas com banda, comida e bebida à vontade em homenagem aos novos ministros da Corte. No entanto, desde o início da pandemia as festas não foram mais realizadas para evitar a disseminação do coronavírus. O ministro Kassio Nunes Marques, por exemplo, tomou posse no ano passado sem festa.

Já no caso de Mendonça, mesmo com as associações dispostas a promover o evento, o ex-advogado-geral da União recusou a festa e optou pela celebração religiosa. O convite tem ainda a assinatura do presidente executivo e do presidente vitalício da Convenção Nacional das Assembleias de Deus no Brasil, os bispos Samuel Ferreira e Manoel Ferreira.

A expectativa é de que o presidente Jair Bolsonaro esteja entre os participantes do culto.

LEIA TAMBÉM:

Um comentário:

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();