Senado pode afastar Davi Alcolumbre por crime de rachadinha ou ignorá-lo



A paciência dos senadores com Davi Alcolumbre (DEM-AP) parece ter chegado ao fim e os caminhos mais prováveis vão desde afastamento da presidência da CCJ até a exclusão como membro do DEM, na comissão. O senador Lasier Martins (Pode-RS) queria ir além e apresentar notícia crime à PGR porque “ninguém mais tem paciência com as protelações, com a inércia”, e não apenas no caso da sabatina de André Mendonça.


Senador preguiça

Lasier acusa Alcolumbre: não gosta de trabalhar. “A CCJ teve apenas 3 sessões deliberativas, enquanto as demais tiveram 10,15, 20 sessões”.

LEIA TAMBÉM:

Efeito Onyx

Além da renúncia ou do afastamento da presidência da CCJ, o DEM pode excluir Davi Alcolumbre como membro do partido na comissão.


Rachadinha milionária

Pesa sobre Alcolumbre também a denúncia de ex-assessoras que dizem ter sido contratadas por até R$14 mil, mas recebiam apenas R$ 1.350.


Ócio é mais forte

Mesmo com toda repercussão e pressão dos senadores, Alcolumbre não dá prazo para sabatina. “Tudo parado, tudo parado”, diz o inerte senador.

Um comentário:

  1. Essa BANDIDO Alcool ja DEVERIA TER LEVADO 1 PÉ NO TRAZERO DIRETO PRA JAULA!

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();