Quatro países receberam dos governos do PT R$30,7 bilhões que fizeram muita falta ao Brasil


Empréstimos do BNDES no exterior têm avalistas: brasileiros que pagam impostos

A lista de países que mais receberam financiamentos do BNDES nos governos Lula e Dilma mostra onde foi parar o dinheiro que teria feito a diferença em áreas miseráveis do País. E tudo para garantir contratos sem licitação para a Odebrecht, na maior parte dos casos. Apenas quatro países – Angola, Argentina, Venezuela e República Dominicana – levaram do Brasil US$8 bilhões em financiamentos sem retorno. Pior: o avalista do empréstimo é o governo brasileiro, ou seja, o contribuinte. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O contribuinte pagará tanto o que o BNDES tomou do Tesouro para financiar a Odebrecht lá fora quanto o calote do países financiados.

Lula mandou o BNDES dar R$12,6 bilhões do Tesouro para financiar obras da Odebrecht em Angola. O prejuízo é o dobro desse valor.

Somente a bolivariana Venezuela aplicou um beiço de US$1,5 bilhão no Brasil. Equivalem a R$5,7 bilhões que salvariam vidas no Nordeste.

FONTE: DIARIODOPODER.COM.BR

LEIA TAMBÉM:



Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();