ENQUETE: EM QUEM OS PRESIDIÁRIOS IRÁ VOTAR PARA PRESIDENTE EM 2022?


Os presos provisórios, por não terem condenação transitada em julgada, quando não há mais possibilidade de recurso, preservam seus direitos políticos, podendo votar. 

No entanto, é preciso que a Justiça Eleitoral disponibilize as seções eleitorais dentro de presídios. No segundo turno das eleições 2018, 220 seções foram instaladas em locais de privação de liberdade.

Em 2018 levantamento do GLOBO aponta que Haddad (PT) teve 82,47% dos votos no segundo turno nos presídios brasileiros, contra 17,53% de Bolsonaro (PSL).

10 comentários:

  1. O ORCRIM manda na política, tanto que o 57f quer proibir militares e policiais de votarem aí mesmo tempo que fazem de tudo para que presidiários e molecada genérica doutrinada votem a qualquer custo. Aí não tem contensão de despesas que querem ajudar alegar para não colocar impressão de voto.

    ResponderExcluir
  2. Eu e minha esposa Samos Bolsonarianos o Brasil está no rumo certo

    ResponderExcluir
  3. Fechado com Bolsonaro, nosso presidente Jair Messias Bolsonaro reeleito 2022,Brasil acima de tudo DEUS acima de todos.

    ResponderExcluir
  4. BOLSONARO 2026 melhor presidente até hoje da história

    ResponderExcluir
  5. Essa enquete é capiciosa. Depois tiram os presidiários e dizem q foi o povo honesto q votou. #bolsonaroreeleito

    ResponderExcluir
  6. Essa enquete com certeza não é a que costumamos votar.. Enquete de esquerdista..

    ResponderExcluir
  7. Ladroes,assassinos,estupradores,assaltantes,traficantes... tem q votar é no chefe deles mesmo!!!!! #lulanacadeia #PTNUNCAMAIS
    #BolsonaroPresidenteAte2026
    #bolsonaromelhorpresidentedobrasil
    #BolsonaroReeleito2022

    ResponderExcluir
  8. Errrado votar na cadeia tinha que ser só justificar neste caso porque não por nós hospitais tnbm e nós batalhões das polícia militar pois muitos não votam por estar longe de suas cidades ou da sua zona de votação

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();