Breaking news

Em meio a Pandemia, depois do RJ, São Paulo confirma Carnaval com blocos e tendo os críticos de aglomerações Pabllo Vittar e Anitta


Prefeitura da capital divulgou lista com 440 blocos no Diário Oficial

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal das Subprefeituras (SMSUB), divulgou neste sábado (27), no Diário Oficial, que 440 blocos já estão aprovados para o Carnaval de Rua 2022. A confirmação ocorre em meio a temores com a nova variante do coronavírus detectada originalmente na África do Sul, a Ômicron.

De acordo com a Secretaria, a realização “dependerá das autorizações dos órgãos de Saúde”. A capital paulista estima receber 18 milhões de foliões considerando os dias do carnaval e também os períodos pré e pós feriado, que vão dos dias 19 de fevereiro a 6 de março de 2022.

A prefeitura recebeu 867 inscrições de blocos no total. Ou seja, o número de blocos de rua ainda pode aumentar, pois muitos estão em análise. Alguns blocos de artistas famosos como o “Bloco da Anitta” e “Bloco da Pabllo” também estão na lista.

Este ano, inclusive, o Carnaval de Rua de São Paulo receberá um patrocínio de R$ 23 milhões da empresa CBRS S.A, maior do que foi recebido em 2019 e 2020.

Na última quinta-feira (25), Ricardo Nunes (MDB), prefeito de São Paulo, chegou a dizer disse que é incoerente emitir qualquer certeza sobre o Carnaval de 2022, tanto cancelamento quanto sua realização.

O carnaval no Rio de Janeiro, ao que tudo indica, também está garantido. A Riotur, divulgou uma lista final com 506 blocos. Anitta, Preta Gil e Ludmilla são algumas das artistas confirmadas.

2 comentários:

  1. Ué KD o STF?
    Kd os membros da CPI do covid19?"em que eles vociferavam preocupação com as vidas".

    ResponderExcluir
  2. Kd o negacionista do #ditadoria kd a porra do #stfescritoriodocrime? Kd o #randolphe aquele bosta e #umcertobosta falando sobre isso?

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();