Vaiado e xingado com palavrões, Ciro Gomes chama esquerdistas de “fascistas de vermelho”


Ex-governador do Ceará foi xingado durante discurso em ato contra o presidente Jair Bolsonaro

Neste sábado (2), durante participação nos protestos contra o presidente Jair Bolsonaro, o ex-governador do Ceará, Ciro Gomes, foi xingado e vaiado pelos manifestantes de esquerda. Durante seu discurso, Ciro também foi xingado pelos presentes. Os manifestantes mandaram ele tomar no c*.

Após as ofensas, Ciro decidiu rebater e chamou os críticos de “fascistas de vermelho”.

– Bolsonaro a tua hora está chegando, porque o povo brasileiro é muito maior que os fascistas de vermelho ou de verde e amarelo – afirmou.

Ao final do discurso, Ciro Gomes comentou as falas e disse já estar acostumado a elas.

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();