Rio de Janeiro: Decreto de Eduardo Paes deve suspender obrigatoriedade de máscaras a partir desta segunda



Decreto do prefeito Eduardo Paes deve ser publicado no Diário Oficial do Município liberando o uso em locais públicos abertos

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, vai dispensar o uso obrigatório de máscaras em áreas públicas na cidade a partir desta segunda (25), quando um decreto será publicado no Diário Oficial do Município.

De acordo com informações da BandNews FM, a expectativa é era de liberar o uso quando a cidade atingisse 65% da população imunizada com duas doses ou vacina de dose única.

LEIA TAMBÉM: 

O decreto, entretanto, libera o uso apenas em locais públicos abertos, continuando obrigatório em locais fechados, além de mantida a exigência do comprovantes de vacinação para entrar em teatros, cinemas e pontos turísticos da cidade, ao contrário do transporte público, onde as aglomerações são muito maiores, mas a preocupação com os usuários desse tipo de serviço não é a mesma.

Em entrevista à rádio, o secretário municipal de Saúde do Rio, Daniel Soranz, afirmou que a liberação depende de autorização do governo estadual. “Sempre vale a regra mais restritiva. Se o Estado acha que ainda não é o momento de liberar, mantém a regra do Estado. A gente tem que esperar a publicação do novo decreto da secretaria de Saúde do Estado”, explicou.

Soranz confirmou que tem conversado com o governo estadual para uma nova análise nos próximos dias: “Eles vão reavaliar essa decisão para o estado todo e devem apresentar uma definição, um novo decreto, ainda nesta semana”.

A secretaria Estadual de Saúde confirmou a possibilidade de flexibilização e a previsão é que o governador Cláudio Castro se manifeste em coletiva imprensa amanhã, quando falará sobre o retorno das aulas 100% presenciais.

2 comentários:

  1. Onde não há bom senso o governo socialista se esbalda.

    ResponderExcluir
  2. Esse Eduardo está mais para Paus do que para Paes, pela cara de pau de liberar o carnaval do RJ, inclusive o uso de máscara, e na sequência Lockdown, é ou não de Pau?

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();