Bolsonaro fala em “renovação” do Supremo Tribunal Federal



Presidente cumpre agenda oficial na Bahia e falou em discurso

Cumprindo agenda na Bahia para visitar as obras da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (FIOL), nesta sexta-feira (3) o presidente Jair Bolsonaro não deixou de falar sobre as manifestações do dia 7 de setembro em seu discurso.

Após destacar a soberania do povo em dar um “ultimato” a ministros do STF no Dia da Independência, o chefe do Executivo falou que o Supremo “começa a ser renovado”.

– Para tudo nessa vida, é bom renovação. O Supremo começa a ser renovado também – disse Bolsonaro, que comentou sobre a indicação do ex-advogado-geral da União e ex-ministro da Justiça André Mendonça.

– Já indiquei um ministro para o Supremo Tribunal Federal. No momento, cumprindo promessa de campanha, indiquei outro evangélico para o Supremo Tribunal Federal também. Ele é evangélico, mas é também extremamente competente naquilo que faz. Quem for, porventura, eleito presidente no ano que vem, no início de 2023, indicará mais dois ministros para o Supremo Tribunal Federal – lembrou.

Bolsonaro já indicou Kassio Nunes Marques, que, em novembro, completará um ano na Corte, e André Mendonça, que ainda aguarda sabatina e votação pelo Senado federal. Ambos são evangélicos.

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();