Jornalista da CNN Daniela Lima conta ter sido agredida em ato do PT em 2014: “Chutada por militantes”


Jornalista defendeu que imprensa deve "fiscalizar o poder"

A âncora da CNN, Daniela Lima, relatou ter sofrido agressão física de militantes petistas enquanto cobria uma manifestação de apoiadores do partido em 2014. Segundo a jornalista, ela foi alvo de chutes e recebeu ajuda de seguranças de um hotel próximo ao local do protesto.

– Eu apanhei fisicamente em um evento do PT, quando a imprensa era chamada de PIG, Partido da Imprensa Golpista, e não de Comunista, como ela é hoje. Tomei um chute. Quem me salvou foram os seguranças do hotel onde aconteceu o evento. Aí muita gente me pergunta: “Qual é a diferença?”. A diferença é que fui agredida por militantes petistas – relembrou Daniela, em entrevista ao portal UOL.

 LEIA TAMBÉM: 

A jornalista explica que, na época, recebeu um pedido de desculpas formal da legenda e também do governo, até então comandado pela ex-presidente Dilma Rousseff.

– Houve um posicionamento formal na época. Paulo Okamotto [presidente do SEBRAE durante o governo Lula], que hoje já não é mais vivo, foi rapidamente até onde a imprensa estava, me procurou, houve um pedido de desculpas formal do partido. O governo era o governo Dilma. Houve um pedido formal de desculpas a mim [por parte] da Secretaria de Comunicação da Presidência da República – declarou Daniela.

A comunicadora disse ficar “chocada” quando perguntam onde ela estava durante a “roubalheira” em 2014. “Eu estava fazendo matéria”, argumentou, acrescentando que, na época, a imprensa era acusada de “lavajatista” e “anti-PT”.

– Jornalismo tem como uma das funções mais essenciais ser fiscal do poder, porque, sem fiscal, todo poder tende a extrapolar os seus limites, as quatro linhas, para ficar em uma metáfora que está na moda agora. […] Esse é o trabalho que eu [fiz] ontem, que eu faço hoje e que, se Deus quiser, eu vou continuar fazendo amanhã – assinalou.




Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();