Deputado denuncia que prisão de Roberto Jefferson “é para queima de arquivo” por ele ter denunciado que Alexandre de Moraes era advogado do PCC (veja o vídeo)



O deputado estadual de Santa Catarina e 2º vice-presidente do PTB Nacional, Kennedy Nunes, fez um discurso em plenário em que afirmou que Roberto Jefferson, preso após determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, pode não sair vivo do cárcere.

Segundo Nunes, o ex-deputado tem sérios problemas de saúde e não estariam permitindo a ele, receber o adequado tratamento

Kennedy ainda questiona se esta não seria uma “tentativa de levar à morte do presidente nacional do PTB, como queima de arquivo”, citando diretamente o STF.

O deputado estadual disse que Jefferson sabe demais e ainda tem muito a revelar sobre os que estão no poder, assim como fez quando foi preso no passado, denunciando o esquema de corrupção do mensalão.

Veja o vídeo:



4 comentários:

  1. Deus nos livre desses dois entraves. Lula e Moraes

    ResponderExcluir
  2. Deus nos livre de todos os comunistas que até hoje só fizeram encher seus bolsos, de amigos e parentes de dinheiro às custas do sofrimento e a simplicidade do povo humilde que por anos acreditou que tempos melhores viriam, mas até esses conseguiram acordar e ver quem realmente eles são e os poucos que ainda insistem em acreditar certamente o coisa ruim está entranhado em suas mentes.

    ResponderExcluir
  3. Sempre assim,são na maioria criminosos

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();