Tite é o grande culpado pelo fracasso: Politizou o futebol e tentou boicotar a própria competição


Um time se sagra campeão quando tem um TÉCNICO que lidere a equipe ao título, com uma estratégia e uma linha de ação, mantendo o grupo fechado e concentrado na competição.

Óbvio que técnico não entra em campo. Mas é dele um dos papeis mais importantes: estudar os movimentos dos adversários, saber como eles provavelmente jogarão, e motivar os jogadores para conduzi-los ao título.

LEIA TAMBÉM: Morre de covid-19 aos 44 anos, Médico ortopedista em Curitiba, médico já tinha se vacinado com 2 doses da CORONAVAC

Pai do prefeito Eduardo Paes morre aos 78 anos vítima de covid-19, Valmar Paes se vacinou em Março com 2° dose da CORONAVAC

CPI DA COVID: STF PROTEGE E FORMA MAIORIA PARA PROIBIR CONVOCAÇÃO DE GOVERNADORES

URGENTE: Relatório do CDC dos EUA admitem mais hospitalizações de jovens por causa da vacina com miocardite e pericardite do que do vírus COVID-19

Assim foi quando o Brasil ganhou a Copa em 1994 e 2002. Parreira, na primeira vez, e Felipe Scolari, na segunda, construíram times imbatíveis. Aliás a seleção de 1994 nem era tão imbatível assim, mas jogava de modo coeso e equilibrado. Já a de 2002 era imbatível: seria impossível aquele time perder a Copa.

Isso tudo por uma razão: havia TÉCNICO. Havia um responsável por trás dos jogadores, que tinha a equipe nas mãos, e conhecia a fundo o que estava acontecendo.

Hoje, o que a Seleção Brasileira de Futebol possui? Um técnico (Tite) que já começa a competição da maneira errada, tentando politizar as coisas, querendo boicotar a própria participação no torneio.

Perder de 1 x 0 para a Argentina foi pouco, pois esse Tite mereceria é ser humilhado mesmo, com uma derrota acachapante.

Mas não seria justo com muitos daqueles jogadores que são convocados, que se esforçam para fazer o seu melhor.

Como eu já falei algumas vezes, enquanto o futebol estiver tomado pela mesma militância esquerdista que acabou com o Brasil infelizmente será assim.

Enquanto esse Tite estiver no comado da Seleção Brasileira será assim: derrotas e mais derrotas.

Como diz a conhecida frase, “insanidade é continuar fazendo sempre a mesma coisa e querer resultados diferentes”.



 

3 comentários:

  1. O tipico canalha esse Tite verme comunista

    ResponderExcluir
  2. De fato!
    A seleção brasileira só conta com mercenários convocados, o que não representa a vontade e determinação do povo que representam e mtº menos os jogadores que atuam no país!
    Acredito que uma seleção só de jogadores que atuam no Brasil, teria melhores e maiores chances que esses mercenários fdp convocados por um esquerdopatas e bostas...

    ResponderExcluir
  3. Unknown,
    👏👏👏👏🙋🙋🙋

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();