Personal trainer é barrada em academia por estar com short curto: "Desagradável"



Personal trainer é barrada em academia por estar com short curto: "Desagradável"

Vanessa Del Solar contou que, em 17 anos de trabalho, nunca havia passado por uma situação assim

Uma personal trainer usou seu perfil numa rede social para desabafar sobre uma situação que passou numa academia do Distrito Federal, que classificou como "desagradável e inacreditavel". Vanessa Del Solar relatou que, ao chegar ao local para atender a um aluno que estava na esteira, foi impedida de entrar porque um funcionário da recepção porque seu short era "curto".

LEIA TAMBÉM: Lula ataca militares e diz: "Militares conversa muita merda, devem trabalhar cuidando dos 25.000 km de fronteira e jamais se meter em política"

Comunismo, Venezuela: 96,2% da população vive na pobreza e 79,3% estão em situação extrema pobreza

Lula zomba e ataca Bolsonaro por rezar o Pai Nosso: “Não dá pra acreditar!”; Veja o vídeo!

Bolsonaro prevê fraudes nas eleições 2022 para presidente, senadores, governadores e deputados

Bolsonaro interrompe coletiva e reza Pai Nosso com jornalistas

"Após 17 anos trabalhando em academias, hoje aconteceu algo muito desagradável e inacreditável. Trabalho como personal nessa academia há alguns meses ou até 1 ano. Hoje cheguei para atender meu aluno que já estava aquecendo na esteira e fui barrada na recepção porque o meu short era curto", escreveu ela, num registro compartilhado nos stories do Instagram.

Em seguida, Vanessa conta que o funcionário chamou a gerente da academia: "Sempre atendi nessa academia com esse short e nunca ouvi sequer alguma reclamação ou aviso. Eles chamaram a gerente para dizer se eu poderia entrar pelo menos hoje e ela disse que não. Ou seja, eu tive que ir embora junto com o meu aluno e não pude atendê-lo. Viemos para a academia daqui de casa e obviamente cancelamos o contrato com essa empresa".

Depois, Vanessa postou uma foto em que usava o short. E escreveu em mais um stories: "Ah, eles alegaram que estava escrito no meu contrato que assinei quando entrei que precisa ser bermuda". O caso ocorreu na última segunda-feira, na academia Bluefit, na 516 Norte. O GLOBO ainda não conseguiu contato com o local.


Um comentário:

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();