Salles pede demissão do Ministério do Meio Ambiente após pressão do STF e da esquerda



Ele apresentou o pedido de exoneração ao presidente Jair Bolsonaro, que aceitou a demissão

Alvo de investigações e de pressões políticas, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, decidiu pedir demissão do cargo. A exoneração deve ser publicada ainda hoje no Diário Oficial de União (DOU) e, de acordo com a CNN, Joaquim Álvaro Pereira Leite.

De acordo com o jornal O Globo, Ricardo Salles alegou, ao presidente Jair Bolsonaro, motivos familiares para se desligar do governo, assim como a pressão sofrida no comando da Pasta.

Em entrevista à imprensa, ele falou sobre o seu trabalho no Ministério do Meio Ambiente e sobre a demissão.

– Eu entendo que o Brasil precisa ter uma união de interesses, anseios e esforços. E para que isso se faça da man eira mais serena possúvel, eu apresentei ao senhor presidente o meu pedido de exoneração, que foi atendido. E eu serei substituído pelo secretário Joaquim Álvaro Pereira Leite, que também tem muita experiência e conhece todos esses assuntos – destacou.



Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();