ASTRAZENECA AFIRMA QUE NÃO NEGOCIA POR INTERMEDIÁRIOS, ALERTA SOBRE EMPRESA GOLPISTA E DESMENTE FOLHA DE S. PAULO



Em e-mails enviados pela farmacêutica que produz a vacina de Oxford, já foi afirmado que não há intermediários da empresa no Brasil e deve ser denunciado quem fizer “negociações paralelas”.

A AstraZeneca, parceira do governo federal na produção da vacina na Fiocruz, negou que tenha participado da negociação. E que não utiliza intermediário em negociações.

“No momento, todas as doses de vacinas estão disponíveis por meio de acordos firmados com governos e organizações multilaterais ao redor do mundo”.

Perguntada objetivamente se em algum momento teve a Davati como representante afirmou:

“Sobre os questionamentos, gostaria de comentar que não houve representante da AstraZeneca e as vacinas são disponibilizadas por meio de acordos com o Ministério da Saúde e com a Fiocruz”.

Em e-mail, um alerta ainda é deixado pela farmacêutica sobre possíveis aplicações de golpes.

Outro fator discrepante na matéria da Folha de São Paulo é o valor das doses produzidas na FioCruz. Na matéria, é citada uma venda a US$ 3,5, enquanto as doses realmente foram adquiridas a US$ 3,16.



Um comentário:

  1. Esses cara pensam q somos tolos, idiotas ou lesados, o valor da vacina depende de diversas agregações, dentre elas o volume da embalagem e ou a quantidade de doses necessárias para imunizar. Lamentável.

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();