Senador Flávio Bolsonaro se filia ao partido Patriota



Partido também espera receber o presidente Jair Bolsonaro

Após deixar o Republicanos na semana passada, o senador Flávio Bolsonaro (RJ) decidiu se filiar ao partido Patriota. A informação foi confirmada nesta segunda-feira (31), pelo presidente do partido, Adilson Barroso, que tenta também atrair o pai de Flávio, o presidente Jair Bolsonaro, para a sigla.

LEIA TAMBÉM: Morre jornalista que “torceu” para coronavírus matar Bolsonaro, Fábio Campana faleceu aos 74 anos, vítima da Covid-19 e estava vacinado com coronavac

Manifestações contra Bolsonaro “fracassam” e web debocha

Sobe para 66 o número de idosos contaminados com covid e 2 mortos em asilo de Anápolis, todos já tinham sido vacinados com segunda dose

Irmão da traficante mais procurada do Brasil Sandra Sapatão é assessor de deputada do Psol

Igreja Universal doa 280 mil kits de higiene em 602 presídios brasileiros

– Vamos receber o mais novo filiado, um dos mais novos filiados ao Patriota – declarou o dirigente partidário durante evento da legenda. Por videoconferência, Flávio esteve presente na reunião.

– Uma grande honra para mim, Adilson, porque me sinto como fundador desse partido também. Ainda quando a legenda se chamava PEN, o senhor me procurou e construímos a várias mãos o novo estatuto do partido que foi refundado com o nome Patriota. Nome que participei diretamente da escolha, participei diretamente da escolha da logomarca, da construção deste estatuto – afirmou o filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro.

Durante a reunião, o presidente do Patriota, Adilson Barroso, não escondeu o desejo de receber o presidente da República.

– Vamos ser grandes. Ele (Bolsonaro) vem hoje para o partido sem pedir uma bala. Aqui no Patriota ele confia em mim e não quer nada de nós – disse Barroso.

O senador Flávio Bolsonaro elogiou o comando do Patriota pela disposição de mudar os diretórios estaduais.

– Fico feliz de ver que muitos estão deixando a vaidade de lado, o posicionamento dentro do partido de lado em prol realmente dos princípios que estão escritos no estatuto que ajudei a colocar – disse o senador.

Com muita honra comunico minha filiação ao Patriota.

Participei diretamente de sua refundação, em 2018, desde a elaboração de seu Estatuto, com previsão inédita de ser o 1ª partido de direita do Brasil, até a escolha do nome “Patriota”.

Que Deus nos abençoe nessa nova jornada! pic.twitter.com/37mnMqWvvj


Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();