Lira questiona vacinação: ‘Por que o Governo federal distribuiu 34 milhões de doses e estados só aplicaram 18 milhões?’



“Por que o Brasil distribuiu 34 milhões de doses de vacinas, mas constam que apenas 18 milhões foram aplicadas?”, questionou nesta quarta-feira (31) o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL). durante coletiva de imprensa.

Após reunião do Comitê de Coordenação Nacional para Enfrentamento da Pandemia da Covid-19, Lira cobrou que governadores e prefeitos melhorem a transmissão de informações sobre a quantidade de vacinas contra Covid-19 que já foram ofertadas à população.

LEIA TAMBÉM: URGENTE: Mulher dada como morta por Covid-19 se levanta do caixão em velório; VÍDEO.

Novo ministro da Defesa General Braga Netto divulga ordem do dia alusiva ao 31 de março de 1964

Com mais de 73 mil mortos, se São Paulo fosse um país seria o 11° com maior número de mortos no mundo, número de mortes é maior que o registrado por 226 países

Ernesto Araújo denuncia lobby de Kátia Abreu e senadores pelo 5G chinês; Ao “final, à mesa, Kátia Abreu disse: “Ministro, se o senhor fizer um gesto em relação ao 5G, será o rei do Senado.”

“Tem um estado [Lira não citou qual] que recebeu 3 milhões de doses e só vacinou um milhão e meio de pessoas. O Ministério [da Saúde] pode entender que ele tem um estoque de um milhão e meio e que não tem necessidade de vacina e que essa vacina pode ser transferida para outro estado que tenha mais necessidade”, disse. “Ou o Ministério pode entender que está havendo atraso na informação de vacinação, o que prejudica também nossa avaliação nacional de para onde há necessidade de enviar vacinas”, acrescentou.

“Eu não acho que seja possível que nenhum governador e nenhum prefeito não esteja vacinando. Nós estamos com um déficit de quase 18 milhões de vacinas nos gastos oficiais. E isso impacta percentualmente e absolutamente na informação dada aos brasileiros. Nossa solicitação é que o Ministério da Saúde forme urgentemente um grupo ainda mais rígido de controle desses dados”, pontuou o presidente da Câmara.



 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();