General Braga Netto: ‘É preciso respeitar o projeto escolhido pela maioria’


Ministro da Defesa defendeu ainda uma união contra iniciativas de "desestabilização institucional" que alterem o equilíbrio entre os poderes

Nesta terça-feira (20), o ministro da Defesa, Walter Braga Netto, afirmou que é preciso respeitar o “projeto escolhido pela maioria dos brasileiros para conduzir os destinos” do Brasil. A declaração foi dada por ele durante a cerimônia de troca do comando do Exército.

Durante o evento, o novo ministro também afirmou que o país precisa se unir contra iniciativas de “desestabilização institucional” que alterem o equilíbrio entre os poderes.

-O Brasil precisa estar unido contra qualquer tipo de iniciativa de desestabilização institucional que altere o equilíbrio entre os Poderes e prejudique a prosperidade do Brasil. Enganam-se aqueles que acreditam estarmos sobre um terreno fértil para iniciativas que possam colocar em risco a liberdade conquistada em nossa nação. É preciso respeitar o rito democrático e o projeto escolhido pela maioria dos brasileiros para conduzir os destinos do país – apontou Braga Neto.

Na cerimônia, que contou com a participação do presidente Jair Bolsonaro, o general Edson Pujol deixou o cargo. Em seu lugar assumiu o general Paulo Sérgio Nogueira.

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();