Após início da CPI, casos de covid, internações e mortes caem pela 1ª vez em 2 meses em SP


 


Estado tem ocupação de 81,1% dos seus leitos de covid-19 e a Grande São Paulo, de 79,2%. Houve queda de 23% nos óbitos

Os números da pandemia de covid-19 apresentaram queda simultânea em seus três principais índices – casos, mortes e internações – pela primeira vez em dois meses em São Paulo, como confirmou o governo do estado em coletiva de imprensa nesta sexta-feira (23), no Palácio dos Bandeirantes.

"Pela primeira vez após dois meses de alta, o estado de São Paulo apresenta uma queda de 23% no número de óbitos. É a primeira vez que os indicadores de casos, internações e óbitos estão em queda neste período", disse o vice-governador Rodrigo Garcia.

Segundo informou o secretário estadual da Saúde, Jean Gorinchteyn, entre as duas últimas semanas epidemiológicas, as baixas foram de 14,3% nos casos, 6% nas internações e 23% nos óbitos.

Atualmente, o estado tem 81,1% dos seus leitos de covid-19 ocupados e a Grande São Paulo, 79,2%.

Ao todo, em São Paulo, são 10.808 pacientes internados em UTIs e 12.004 em enfermarias. O estado soma 2.811.562 casos confirmados e 91.673 mortes em decorrência do novo coronavírus.

"Esses dados nos trazem alento e esperança. E reforçam que as medidas tomadas pelo Plano SP, fazendo o faseamento vermelho, uma fase mais restritiva e a fase de transição mostram a responsabilidade com a saúde e a proteção da vida", afirmou Gorinchteyn durante a coletiva de imprensa.

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();