GOVERNADOR DE PERNAMBUCO VAI REABRIR POR R$ 12,4 MILHÕES O MESMO HOSPITAL QUE FOI DESATIVADO EM AGOSTO


Hospital vai funcionar no mesmo local onde a Prefeitura do Recife já havia construído um equipamento provisório e depois desativado em agosto

A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES) publicou no Diário Oficial deste sábado (14), um aviso de licitação para contratar uma empresa que será responsável pela instalação e montagem de um hospital de campanha, no bairro dos Coelhos.

LEIA TAMBÉM: NA PARAÍBA, A CADA R$ 100 DE GASOLINA, VOCÊ PAGA R$ 42,45 SOMENTE DE IMPOSTOS

STF ameaça Lira e diz que Bia Kicis na CCJ será declaração de guerra à Corte; Bia Kicis é autora da PEC que revoga a PEC da Bengala que se aprovada irá aposentar 3 Ministros do STF

STF julgará se queixa por injúria e difamação de ex-mulher de Lira irá à Vara de Violência Doméstica

De acordo com a licitação, a empresa deverá fornecer a infraestrutura, incluindo o fornecimento de equipamentos, além da montagem e desmontagem do hospital de campanha. Paralelo ao anúncio da licitação, o governo também solicitou a requisição administrativa de um imóvel localizado na Rua Largo dos Coelhos N° 39, que irá abrigar o hospital.

O Estado vai indenizar o dono do imóvel e explicar que a requisição se dará em função de uma emergência de saúde público, motivada pela pandemia da covid-19.

A necessidade de ampliar o número de leitos é para atender a um possível crescimento no número de casos, como vem acontecendo em vários estados brasileiros.

O teto previsto no pregão eletrônico é de R$ 12,4 milhões e as propostas podem ser entregues pelas empresas interessadas em participar até o dia 26 de fevereiro, dia em que também acontecerá o leilão.


Números

Pernambuco já contabiliza 279.637 casos confirmados e 10.644 mortes pelo novo coronavírus (de acordo com boletim da SES até este sábado).

A rede estadual de atendimento à covid-19 conta hoje com de 1.925 leitos e uma ocupação média de 76%. Desse total de leitos, 993 são de UTI e estão com ocupação de 86% e outros 932 são de enfermaria, com 68% deles disponibilizados.


DESATIVAÇÃO

A Prefeitura do Recife instalou sete hospitais de campanha na cidade, um deles foi o Coelhos, desativado em agosto.

Na época a abertura custou R$$ 7,5 MILHÕES aos cofres públicos.

 

Agora o Estado fará um novo investimento, dessa vez de R$ 12,4 MILHÕES

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();