Em documento, Lira e Pacheco defendem retorno do auxílio emergencial



Presidentes da Câmara e do Senado sugerem manter benefício aos miseráveis do país sem estourar teto de gastos

s novos presidentes da Câmara e do Senado, respectivamente Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG), assinaram um documento, entregue à Presidência da República, no qual se comprometem a defender o retorno do auxílio emergencial em 2021.

"O Senado Federal e a Câmara dos Deputados manifestam que trabalharão de forma conjunta, harmônica e colaborativa em todos os temas que possam facilitar e ajudar os brasileiros na superação do drama da pandemia, incluindo, sobretudo, a análise das possibilidades fiscais para, respeitando o teto de gastos, avaliar alternativas de oferecer a segurança financeira através de auxílio emergencial para aqueles brasileiros e brasileiras que estejam enfrentando a miséria em razão da falta de oportunidade causada pela paralisia econômica provocada pela pandemia", diz o texto assinado na manhã desta quarta-feira (3).

A "carta de intenções" escrita pelos novos chefes do Congresso Nacional foca ações para agilizar a vacinação da população contra a covid-19 e coloca o combate à pandemia como prioridade absoluta das duas Casas neste início de ano.

Pacheco e Lira prometem ainda agilizar as discussões sobre as reformas tributária e administrativa e avançar no debate das PECs (Propostas de Emenda à Constituição) do pacto federativo e a dos fundos públicos.

O auxílio emergencial foi instituído pelo governo federal em 2020 para ajudar profissionais informais e demais brasilerios que se viram atingidos pela paralisação da economia no país por causa da pandemia. Inicialmente ele contava com parcelas de R$ 600. Depois, as mensalidades caíram para R$ 300.

As últimas parcelas foram pagas no fim de janeiro.

FONTE: R7.COM

Um comentário:

  1. Eu acho justo liberar o auxílio aos comerciantes, e pessoas que estão desempregados.. mas. E preciso investigar quem nunca teve na vida carteiras registradas e nunca trabalhou na vida .. da o muitos drogados, cachaceiros , traficantes, delinquentes que não deve ter o direito de receber auxílio.. por nunca ter trabalhado e viverem da nargibalidades. Vamos dar valor sim ! A quem merece ..

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();