Coppolla: mensagens roubadas pelos hackers não demonstram inocência de Lula



No quadro Liberdade de Opinião, do Visão CNN desta quarta-feira (10), o comentarista Caio Coppolla avalia a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) para que a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tenha acesso às mensagens de procuradores da Operação Lava Jato.

“Essa decisão é flagrantemente ilegal e inconstitucional, como se depreende da nota oficial do Ministério Público Federal, que listou seis razões técnicas que tornam a prova imprestável. 

LEIA TAMBÉM: Doria ameaça “agir” com governadores para barrar plano de redução de preços de combustíveis de Bolsonaro

Em plena pandemia Doria e Covas fecham 6 prontos-socorros em SP e causam revolta

Governo Bolsonaro antecipa pagamento do abono salarial do PIS/Pasep; veja as novas datas

Além disso, a nota explicita a carência de interesse jurídico do réu em obter esse material, a importância do sigilo profissional em comunicações de autoridades públicas e demonstra a violação aos direitos fundamentais dos hackeados e das suas famílias, incluindo adolescentes e crianças, que também tiveram sua privacidade e intimidade expostas nos materiais submetidos ao STF”, disse.

“Mas vamos pular algumas etapas e imaginar o melhor cenário possível para a defesa do senhor Lula, um criminoso, com condenações por corrupção e lavagem de dinheiro e réu em múltiplos processos penais. (...) Para melhorar ainda mais as chances de Lula, vamos supor que o conteúdo deste material apresente inequívocas faltas processuais por parte da força-tarefa da Lava Jato, como, por exemplo, algum caso de suspeição do juiz de 1ª instância", explicou.

"Ainda assim, mesmo nessa hipótese improvável e juridicamente absurda, há um fato incontornável: o material apreendido não tem o que se chama de conteúdo 'exculpatório'; Ou seja, as mensagens roubadas e manipuladas pelos hackers fraudadores e estelionatários não demonstram a inocência de Lula e nem indicam que houve qualquer tipo de fabricação de provas ou incriminação indevida.”

FONTE: CNNBRASIL.COM.BR

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();