Black Lives Matter preso durante a manifestação pró-Trump é um pedófilo


No último sábado, milhares de apoiadores do presidente Donald Trump lotaram as ruas do centro de Washington, DC, durante a manifestação “Million MAGA March”. Durante o protesto, Kenneth Wayne Deberry, apoiador do grupo terrorista de esquerda Black Lives Matter, foi preso após dar um soco em um manifestante do presidente Donald Trump. Após ser investigado os registros públicos de Deberry, a polícia identificou que ele também é um agressor sexual infantil já fichado na polícia.

O Departamento de Polícia Metropolitana prendeu Kenneth Wayne Deberry, no sábado, por conduta desordenada, incluindo incitação à violência, agressão agravada e criminoso em posse de arma de fogo. Depois que a polícia descobriu, de acordo com um comunicado à imprensa do MPD. Deberry foi preso com três outras pessoas durante o incidente de sábado, de acordo com o MPD.

De acordo com o MPD Sex Offender Registry, Deberry é um pedófilo, já fichado na polícia, que foi condenado em Washington, DC, em 2008, por abuso sexual infantil de segundo grau contra uma pessoa com menos de 16 anos de idade.

“Os suspeitos estavam envolvidos em um esforço colaborativo para incitar a violência” durante as manifestações pró-Trump, disse o comunicado à imprensa. “Um dos suspeitos agrediu a vítima deixando-a inconsciente. Outros suspeitos agrediram a vítima e levaram seus pertences. Quatro suspeitos foram presos no local pelos policiais presentes.”

O repórter do Daily Caller, Jorge Ventura, identificou Deberry como um indivíduo capturado no vídeo viral do Daily Caller, mostrando um homem socando e sangrando um apoiador de Trump.

Imagens de vídeo mostraram o agressor vindo por trás do apoiador de Trump e nocauteando-o com um soco. O apoiador de Trump ficou inconsciente durante algum tempo, antes que algumas pessoas o ajudassem a se levantar. Enquanto ele estava deitado no chão, uma pessoa pisou na cabeça do apoiador de Trump.

FONTE: TERCALIVRE.COM.BR

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();