STF vai tornar Lula elegível para se candidatar, Gilmar Mendes (STF) quer julgar suspeição de Moro no processo de Lula “assim que possível

Processo foi aberto após recurso apresentado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva

Uma notícia ruim para o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro. O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), quer julgar o quanto antes a ação de suspeição de Moro na condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Lava Jato. A informação foi dada pela Revista Época.



De acordo com o veículo, Mendes, que é presidente da Segunda Turma da Corte, quer pautar o processo “assim que possível” para que o ministro Celso de Mello tenha tempo de votar antes de sua aposentadoria.
Além disso, Gilmar Mendes quer que a sessão de votação ocorra de maneira presencial e não por videoconferência, medida que foi adotada devido à pandemia de coronavírus. De acordo com o portal Uol, o ministro quer o julgamento presencial devido à complexidade do tema.

O julgamento ocorrerá após um pedido apresentado pela defesa do ex-presidente Lula, que pediu a anulação das condenações após o vazamento de conversas de Moro e procuradores.



Depois da mais recente decisão do STF quanto à delação de Antônio Palocci no caso de Lula, passou a haver chance real de que a sentença venha a ser anulada . O STF deixou claro que Sergio Moro fez política eleitoral quando deveria apenas ter se limitado a agir como juiz.

FONTE: PLENO.NEWS

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();