Bolsonaro desmente notícias sobre cartão corporativo e justifica: Despesas de três aviões da Força Aérea Brasileira que foram à China para repatriar brasileiros foram custeadas com o cartão corporativo presidencial

Presidente declarou que uso do recurso foi aplicado na operação que repatriou brasileiros da China, as despesas foram custeadas com o cartão presidencial.

Na saída do Palácio da Alvorada nesta segunda-feira (11), o presidente Jair Bolsonaro falou as sobre notícias recentes, divulgadas por parte da imprensa, que apontam que o chefe do Executivo teria gastado mais com o cartão corporativo que os antecessores Michel Temer e Dilma Rousseff.

Em resposta, Bolsonaro disse que os gastos feitos pelos três aviões da Força Aérea Brasileira que foram à China para repatriar brasileiros do país asiático foram feitos com o cartão presidencial.

– A imprensa como sempre criticando o cartão corporativo, só que os caras são tão “mau-caráter” que não dizem que parte da operação da China, três aviões da Força Aérea, por serem aviões militares, foram financiados com cartão corporativo. Até parece que eu tô usando cartão pra fazer festa – disse.
LEIA TAMBÉM: 

Após denúncia de superfaturamento ao TCE, Doria cancela compra de aventais descartáveis de TNT por R$ 14 milhões

LEIA TAMBÉM: 

Crítico de Bolsonaro, João Azevedo governador da Paraíba é denunciado pelo MP de Contas por suspeita de superfaturamento em máscaras descartáveis compradas por R$ 55 a unidade

O presidente também aproveitou a ocasião para falar sobre o uso da hidroxicloroquina pelo país no combate à Covid-19. Questionado por uma possível “demora” do Ministério da Saúde em endossar o uso de forma precoce, ele falou que a informação não era verdade e que o medicamento estava disponível em boa parte do Brasil.

– Tem estado que não tá aceitando (o uso da cloroquina), outros estão. Tem cloroquina aqui nas farmácias em Brasília, em alguns estados não tem, mas nós vamos correr atrás para saber por que não tem – completou.

Fonte: pleno.news

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();