Moro se alia e vaza para a globo print de conversa que teve com Bolsonaro e Zambelli

Moro foi padrinho de casamento de Carla Zambelli.

A deputada federal Carla Zambelli criticou o vazamento de mensagens íntimas feito pelo ex-ministro da Justiça, Sérgio Moro, para o Jornal Nacional, da rede Globo, transmitido na noite desta sexta-feira, 24.

"Vazar pro Jornal Nacional como se fosse algo ilícito, como se eu tivesse feito uma coisa ilícita. Achei extremamente maligno. Não gostei do que ele fez", declarou a parlamentar em rede social. 



No conteúdo transmitido pela Globo como se fosse uma "prova" contra o presidente Jair Bolsonaro sobre declarações acerca do ministro, Zambelli faz um apelo para Sérgio Moro não deixar o cargo de ministro, afirmando que tentaria convencer o presidente para indicá-lo ao STF.
 "Eu não sou ninguém para prometer uma vaga no STF. O que eu quis dizer é que poderia ajudar. Tentar falar com Bolsonaro", continuou Zambelli em uma gravação publicada em suas redes sociais.

O Jornal Nacional fez parecer que a oferta de indicação ao Supremo Tribunal Federal teria partido do presidente Bolsonaro, mas a "prova" divulgada pela emissora, repassada pelo próprio Moro, na verdade, se trata de um diálogo entre o ex-ministro e Zambelli.



Aliados da parlamentar criticaram a atitude de Moro ao colaborar com a rede Globo para transmitir mensagens privadas com terceiros. Vale ressaltar que o ex-ministro foi convidado para ser padrinho (e aceitou) de casamento de Zambelli, como revela a foto de capa dessa matéria.
Fonte: opiniaocritica.com.br

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();