Web arrecada R$ 150 mil para mãe de garoto estuprado e morto pela trans Suzi

"Vaquinha" continua ativa e ainda recebe doações.

Pessoas indignadas com a violência e a dor causadas pelo detento transexual Suzi Oliveira, que estuprou, matou e ocultou o cadáver do menino Fábio dos Santos Lemos, de 9 anos, criaram uma “vaquinha” online para ajudar a mãe do menino, Aparecida dos Santos. O financiamento, que inicialmente tinha meta de R$ 20 mil, já ultrapassou os R$ 150 mil.

A vaquinha é uma resposta à comoção inicial causada por Suzi, que foi personagem de uma reportagem do programa Fantástico com Drauzio Varella. Na matéria, Suzi revela que não recebe visitas há oito anos. A declaração fez Drauzio abraçar o detento, gesto que sensibilizou telespectadores. Após isso, uma onda de solidariedade nas redes foi criada e muitas pessoas chegaram a enviar cartas, flores e até criaram uma vaquinha para ajudar Suzi. Tudo veio a baixo quando foi descoberto o crime que ele havia cometido.



De origem humilde, Aparecida dos Santos se pronunciou em uma reportagem para o Alerta Nacional, comandado por Sikêra Jr, na RedeTV!. Nela, a mãe do pequeno Fábio, morto por Suzi em 2010, revela que foi um choque ver o assassino do filho recebendo a atenção da população.
– Receber um abraço, receber cartinha e ainda receber um ‘bombonzinho’ na prisão? E eu recebi o que? Nada. Estou me reerguendo, me levantando porque Deus está comigo – declarou a mulher.




CRIME BÁRBARO
Suzi Oliveira foi preso por estuprar e estrangular Fábio dos Santos Lemos, de 9 anos, em maio de 2010. O corpo do menino foi deixado para apodrecer em uma sala. Suzi forçou o menor a fazer sexo oral e anal e, dois dias depois, largou o corpo próximo à casa da família e os avisou sobre os restos mortais da criança.

De acordo com a uma tia do acusado, Suzi também abusou de uma criança de 3 anos e tentou estuprar o próprio sobrinho de 5. Em outra ocasião, ele estuprou uma criança ao invadir sua casa para roubar.



A revelação gerou revolta na internet, visto que muitos acreditaram que Suzi foi abandonado pela família pelo fato de ser transexual. A verdadeira causa de sua prisão fez com o que seu nome figurasse entre os assuntos mais comentados na internet.

Fonte: pleno.news


Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();