Em meio à pandemia de Coronavirus, governador da Paraíba crítico de Bolsonaro destina R$ 7,5 milhões à Secretaria de Comunicação para fazer publicidade de seu governo

Descaso em plena crise , governador investe em melhorar sua pr´pria imagem com propagandas publicitárias.

Em meio à pandemia do coronavírus que toma conta de todo o mundo, na Paraíba, com “cheque em branco” da Assembleia Legislativa, o governador João Azevedo (Cidadania) destinou R$ 7,5 milhões suplementares à Secretaria de Comunicação do Estado.



O decreto confirmando a suplementação está publicado na edição deste sábado (28) do Diário Oficial do Estado.
Em meio à pandemia do coronavírus que toma conta de todo o mundo, na Paraíba, com “cheque em branco” da Assembleia Legislativa, o governador João Azevedo (Cidadania) destinou R$ 7,5 milhões suplementares à Secretaria de Comunicação do Estado.

O decreto confirmando a suplementação está publicado na edição deste sábado (28) do Diário Oficial do Estado.


Em contato com o RádioBlog, o secretário estadual de Comunicação, Nonato Bandeira, enviou nota e informou que o recurso faz parte do orçamento enviado à Assembleia Legislativa no ano passado, que havia sido retirado. “Se não tivéssemos a reserva de contingência, não teríamos como divulgar notas públicas a respeito do combate ao coronavírus na Paraíba”, explicou Nonato Bandeira.



Confira a nota:

Secom-PB nega qualquer aumento de orçamento na pasta por conta do Coronavírus

A Lei Orçamentária Anual (LOA) 2020, aprovada pela Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), remanejou, da proposta original enviada pelo Poder Executivo, R$ 17 milhões da Secretaria de Estado da Comunicação (SECOM), que estavam alocados para despesas de comunicação institucional do Governo da Paraíba.



A suplementação de R$ 7,5 milhões, realizada pela Secretaria de Estado de Planejamento ( SEPLAG) e publicada neste sábado (28) no Diário Oficial do Estado, tem por objetivo recompor, parcialmente, o orçamento da SECOM, para que o Estado possa, inclusive, realizar as campanhas de utilidade pública necessárias para o enfrentamento da pandemia do Coronavírus.

Fonte: paraibaradioblog.com




2 comentários:

  1. Prenderam o chefe é deixaram o gerente solto, taí no que dá, ou bando de ladrões, Deus tenha misericórdia do povo da minha aguerrida e amada PARAIBA.

    ResponderExcluir
  2. Que absurdo, onde está o MP, quantos leitos, respiradores, da para se comprar com esse dinheiro, e vão usar em publicidade!canalhice das bravas, meu Deus que líderes são esses.

    ResponderExcluir

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();