General anula nomeação de esquerdista feita por Regina Duarte na Cultura

A anulação do ato foi assinada pelo ministro-chefe da Casa Civil, general Walter Braga Netto.

Regina Duarte já teve seu primeiro revés no governo Jair Bolsonaro. A nova secretária especial da cultura teve a nomeação de Maria do Carmo Brant de Carvalho para a Secretaria da Diversidade Cultural anulada pelo ministro-chefe da Casal Civil, general Walter Souza Braga Netto.

A nomeação de Maria do Carmo foi publicada na manhã de segunda-feira, 9, no Diário Oficial da União. No fim da tarde, em edição extra, a portaria foi suspensa.



Maria do Carmo estava na Secretaria Nacional de Assistência Social do Ministério da Cidadania e assumiria cargo na Secretaria da Diversidade Cultural a pedido de Regina Duarte, em substituição a Janicia Silva, a reverenda Jane, exonerada após desentendimento com a atriz.
De acordo MTur (Ministério do Turismo), onde atualmente se encontra a Secretaria Especial da Cultura, Maria do Carmo seria responsável por, entre outras coisas, “articular e coordenar ações de fomento às expressões culturais populares”. O novo nome para a vaga ainda não foi divulgado.

Doutora pela PUC-SP, a ex-futura secretária de Diversidade Cultural tem ampla experiência na área social, com ênfase em política social e educação. No entanto, seu nome vinha sendo atacado pela militância bolsonarista nas redes sociais por sido secretária de Assistência Social do governo de Dilma Rouseff (PT).

Fonte:  tercalivre.com.br

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();