Deputado fala em ‘possível ligação’ entre PCC e PT ao pedir quebra de sigilo de conversas interceptadas pela Polícia Federal


O deputado José Medeiros (Podemos) também pediu à Procuradoria-Geral da República a quebra de sigilo dos áudios obtidos no âmbito da Operação Cravada, que desbaratou um núcleo financeiro do PCC.


No ofício endereçado a Raquel Dodge (veja a íntegra clicando AQUI), ao qual O Antagonista teve acesso em primeira mão, o deputado diz que as conversas divulgadas até aqui demonstraram uma “possível ligação” entre PCC e PT.



“Tais afirmações não podem ser ignoradas, pois sugerem a ligação da maior organização criminosa do nosso país com o partido político que esteve no poder por 15 anos, razão pela qual a divulgação do inteiro teor deste diálogo e das demais provas coletadas na investigação se fazem necessárias para esclarecer a população”, afirma o parlamentar em trecho do documento.

Medeiros acrescenta que os dados obtidos na operação poderão servir como base para a instauração de uma CPI.

Mais cedo, antecipamos aqui que senadores do PSL também pediram à PGR a quebra de sigilo dos áudios interceptados pela PF no âmbito da Operação Cravada.





Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();