“Estão preparando as crianças para pedófilos”, diz psicóloga

Marisa Lobo fez comentário sobre a peça teatral com pênis gigante apresentada em escola.

A psicóloga Marisa Lobo se pronunciou sobre a polêmica peça de teatro Auto da Camisinha, na qual um ator apareceu vestido de palhaço com um “pênis gigante” preso à cintura. A apresentação aconteceu dentro de uma escola do Distrito Federal.


– Isso é uma agressão, uma violência psicológica contra a criança. Isso antecipa fases do erotismo. É um absurdo o que estão fazendo dentro das escolas, tirando a inocência das crianças. Psicologicamente isso terá consequências. Essas crianças podem se tornar viciadas em pornografia, por causa dessa brincadeira absurda. Eles colocam juízo de valor quando falam de sexualidade para criança e isso é agressão. Isso é contra o Estatuto da Criança e do Adolescente – declarou a psicóloga.

Lobo ainda acrescentou que não se trata de recriminar ou ser atrasado, e sim da desconstrução da inocência da criança.
– O que está acontecendo com essa nova forma de tratar a sexualidade infantil é que estamos preparando as crianças para ficarem em uma patamar de igualdade, em termos de sexualidade, com adultos. Ou seja, estamos preparando a criança para se envolver com pedófilos. Então, adiantar a fase sexual de uma criança é uma agressão, a criança tinha que estar discutindo isso na escola de uma forma muito branda, muito serena – esclarece.


De acordo com o Centro de Ensino Fundamental (CEF) 03 de Planaltina, o objetivo era falar sobre educação sexual. Muitos pais, no entanto, se disseram chocados, nas redes sociais, com a abordagem da peça. Cerca de 150 alunos entre 14 e 16 anos assistiram à apresentação.


Rodrigo Delmasso (PRB), presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito da Pedofilia (CPI da Pedofilia), quer convocar os membros da Hierofante Companhia de Teatro, de Ceilândia, responsáveis pela produção, para dar explicações.

Fonte:Pleno.news

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();