Conselho de Ética abre processos contra Wyllys, Kokay e Valente

O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados determinou, nessa quarta-feira (28), abertura de processo disciplinares contra os deputados Jean Wyllys (PSOL-RJ), Érika Kokay (PT-DF) e Ivan Valente (PSOL-SP).


As três representações foram apresentadas pelo PR, que pede a cassação dos parlamentares. Os pedidos contra Érika Kokay e Ivan Valente foram baseados em declarações que os dois deram sobre os parlamentares que rejeitaram as denúncias apresentadas contra o presidente Michel Temer.
No caso de Jean Willys, a solicitação é baseada em uma entrevista em que o parlamentar fala que consumiria drogas ilícitas se o mundo tivesse data para acabar.



Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();