Conselho de Ética pode abrir processo de cassacão contra Jean Wyllys nesta quarta

O Deputado Federal Jean Wyllys divulgou um artigo no qual relaciona os nomes dos deputados Eduardo Bolsonaro (SP),  Pr. Marco Feliciano (SP)  e Jair Bolsonaro (RJ) ao atentado terrorista na boate gay em Orlando

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar se reúne nesta quarta-feira (13) para instaurar processo contra o deputado Jean Wyllys (Psol-RJ), requisitado pelo PSC.



Segundo  a Agência Câmara, o partido acha incompatível com o decoro parlamentar o artigo que foi divulgado por Jean Wyllys no dia 12 de junho, em seu perfil no Facebook, em que ele teria agregado os nomes dos deputados Eduardo Bolsonaro (SP), Pr. Marco Feliciano (SP)  e Jair Bolsonaro (RJ)– todos os três do PSC – ao atentado que aconteceu e houve  50 vítimas fatais em uma boate homossexual gay em Orlando, nos Estados Unidos.

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();